Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

No meu Palato

No meu Palato

Enóphilo Wine Fest Porto 2019 | O vinho sentido e a depressão que fez nascer um sonho

"Há 100 anos renasciam os povos após uma guerra atroz. Deu-se uma maior liberdade na cultura e nos costumes. Houve lugar para as artes e para a loucura. Muito aconteceu por Portugal e pelo resto do mundo. Foram os verdadeiros anos de loucura que ficaram para a história até hoje, 100 anos depois." National Geographic

Enóphilo Wine Fest Porto 2019A penúltima publicação relativa a 2019 leva-nos à  quarta edição do Enóphilo Wine Fest na cidade do Porto. Uma edição que se mudou de armas e bagagens para um novo espaço, o Hotel Crowne Plaza Porto, localizado na Avenida da Boavista, e que no passado dia 16 de Novembro, recebeu mais de 30 produtores nacionais com mais de 300 vinhos em prova.

Enóphilo Wine Fest Porto 2019Os enófilos mais entusiastas tiveram ainda as tradicionais provas especiais: a "Munda: 15 anos de uma expressão no Dão", a  "Cabernet Sauvignon da Quinta de Pancas - o renascer de um ícone" e a incrível "Uma viagem pela história dos Colheita da Vieira de Sousa” , da qual vos falarei mais adiante.

Enóphilo Wine Fest Porto 2019Existiu ainda uma grande novidade, a primeira edição do Velhíssimas, uma mostra exclusivamente dedicada a aguardente vínicas e bagaceiras, que se realizou em simultâneo com o Enóphilo Wine Fest Porto 2019

Enóphilo Wine Fest Porto 2019Passando ao que interessa, aos vinhos (;)), começo por destacar o SEM IGUAL Ramadas Wood 2017 (25€, 90 pts.) pela sua baunilha, cardamomo, brioche, ananás, maçã verde, chicória, equilíbrio, intensidade e duração.

Enóphilo Wine Fest Porto 2019Ainda nos brancos, o Quinta de Pancas Vital Reserva 2018 (15€, 89 pts.) foi uma agradável surpresa devido às suas lichias, espargos, jasmim, tília, volume e frescura, tudo muito bem equilibrado.

Enóphilo Wine Fest Porto 2019Foi também no Enóphilo Wine Fest Porto 2019 que provei pela primeira vez os frutos silvestres, calcário, notas florais, nobreza e sofisticação do Giz Cuvée de noirs Baga 2016 (29€, 91 pts.)

Enóphilo Wine Fest Porto 2019A versão 2017 do Pai Horácio Grande Reserva (45€, 92 pts.) é mais fresca, intensa e mineral, continua equilibrado, com madeira muito sedutora e uma fruta mais "verde", menos compotada (cerejas, morangos, framboesas e mirtilos) e sumarenta. 

Enóphilo Wine Fest Porto 2019Com uma relação qualidade/preço quase imbatível surgiu o Head Rock Grande Reserva Tinto 2015 (20€, 90 pts.). Um vinho que exibe exemplarmente ameixa preta compotada, amora confitada, sous-bois, argila e uma excelente mineralidade, acidez e elegância.

Enóphilo Wine Fest Porto 2019Na sala principal do evento, o destaque nos Portos, vai inteiramente para a Quinta da Devesa. Para a amêndoa, melaço, alperce, harmonia e vivacidade do Quinta da Devesa Porto Branco 20 anos (25€, 91 pts.); para o mel, nozes, avelãs, caramelo, leve cacau, equilíbrio e complexidade do Quinta da Devesa Porto Tawny 20 anos  (45€, 92 pts.); para a  linhaça, avelã, creme brûlée, cedro, cravinho, resina, pimenta branca, doçura inebriante e untuosidade do Quinta da Devesa Porto Tawny 30 anos  (75€, 93 pts.) e para a casca de tangerina, laranja confitada, melaço, pinho e acidez inesperada do Quinta da Devesa Colheita Porto 1969 (150€, 92 pts.)

IMG_3092.JPGNota especial para o doce de morango surpreendente, compota de ameixa preta quase torrada,  pimenta preta, canela, café, densidade, coerência, complexidade e durabilidade do Quinta da Devesa Colheita Porto 1976 (175€, 94 pts.). 

Enóphilo Wine Fest Porto 2019Já sabem, ou deviam saber,  que as aguardentes não são a minha praia, mas não consegui ficar indiferente à noz-moscada, ameixa preta (???), caramelo, amêndoa e avelã da mais velha aguardente de vinhos verdes conhecida até à data: a Quinta do Tamariz 40 Anos (250€ pts.). 

Enóphilo Wine Fest Porto 2019Como não percebo assim tanto de aguardentes, não me vou atrever a atribuir-lhe uma nota, posso apenas dizer que foi a melhor aguardente que provei até hoje.

Para último, o melhor do evento, a fabulosa prova "Uma viagem pela história dos Colheita da Vieira de Sousa”  (parabéns Luís Gradíssimo!!!)

Enóphilo Wine Fest Porto 2019Percorremos o intrigante Vieira de Sousa Porto Colheita 2010 (25€, 87 pts.), quase um "vintage" com notas a frutos secos; observamos o decaimento na cor, maior secura e fruta vermelha subtil do Vieira de Sousa Porto Colheita 2009 (???€, 88 pts.); subimos na doçura, complexidade e terrosidade com o Vieira de Sousa Porto Colheita 1994 (???€, 87 pts.); demos um salto ao café, avelãs, nozes, taninos crocantes, ligeira secura, salinidade e excelente acidez do Vieira de Sousa Porto Colheita 1985 (???€, 93 pts.). 1985 é o ano da Clarisse e até hoje ainda não provei um Porto desse ano que não tivesse gostado, é um ano de coisas muito bonitas ;)

Enóphilo Wine Fest Porto 2019A percepção da avelã e da secura cresceu ao passarmos para o Vieira de Sousa Porto Colheita 1974 (???€, 92 pts.). Neste Porto surgiram ainda taninos picantes, amêndoa tostada e tabaco. Com o Vieira de Sousa Porto Colheita 1950 (???€, 95 pts.) vieram o equilíbrio, boa acidez, firmeza, secura e aromas a passas, nozes, avelãs  e baunilha.

Enóphilo Wine Fest Porto 2019Como já seria de esperar a estrela do dia foi o António Vieira de Sousa 90th Anniversary Very Old Port (2200€, 100 pts.). Possui salinidade, acidez e densidade incríveis, o café que transporta é simplesmente arrebatador,  o melaço é muito concentrado (quase caramelo mas com maior acidez e menos doçura) e tem ainda notas muito particulares a pinheiro, chã preto e verniz. Acaba (horas depois) com uma complexidade, textura e personalidade fascinantes. Um vinho de sonho!!!

Enóphilo Wine Fest Porto 2019Até no traje este vinho é distinto,  engarrafado em garrafas Cristal artesanais adornadas com letras a ouro prata pela Atlantis. Nasceu nos "loucos anos 20", época de um enorme dinamismo cultural, artístico e social, uma década de mudança de valores e de libertação da mulher e de festas grandiosas pinceladas pelo vinho (apesar da Lei Seca imperar nos Estados Unidos).

Enóphilo Wine Fest Porto 2019Muito aconteceu nesses anos por Portugal e pelo resto do mundo, desde a grande depressão até ao nascimento de Martin Luther King, o homem que tinha um sonho. Foram os verdadeiros anos de loucura que ficaram para a história até hoje, 100 anos depois. Tudo isto, estava aprisionado nesta garrafa e libertou-se neste copo de vinho. Vejam lá que até tive a sensação de ouvir a When You're Smiling de Louis Armstrong quando o provei ;)

Parabéns Luís pela organização, mais uma vez, impecável e muito profissional, e por teres proporcionado um espaço muito mais funcional e cómodo ao evento, com o ambiente ENÓPHILO de sempre: o do vinho com sentido entre amigos. 

Até para o ano, no sítio do costume ;)

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.